NOTÍCIAS


 

Biologia – Conteúdo amplo é exigido

Prof. Roberto Biasoli

 

Enem

A prova de Biologia do Enem 2016 apresentou 12 testes que abordaram os grandes temas da disciplina, como Evolução, Genética, Citologia, Botânica, Zoofisiologia e Ecologia. Houve predomínio de Ecologia e os testes foram contextualizados e ilustrados com esquemas e tabelas. Além disso, a prova foi conteudista, tendência observada nos últimos exames, e apresentou questões de baixa complexidade.

 

Neste outro exemplo (questão nº 89, abaixo) foi abordada a relação dos sistemas agroflorestais na recuperação de áreas degradada e na produção agrícola.

 

 

Fuvest

Os 11 testes de Biologia apresentados na 1ª fase da Fuvest 2017 conseguiram abranger as grandes partes da disciplina. Os enunciados foram curtos e bem ilustrados, como, por exemplo, com esquemas e pirâmides populacionais. As questões estavam um pouco mais fáceis, o conteúdo cobrado foi tradicional, proporcionando maior rapidez nas resoluções.

No teste abaixo o candidato deveria interpretar as pirâmides etárias das populações de três tipos de plantas, devendo reconhecer qual delas está em equilíbrio, qual apresenta maior risco de extinção e qual está em expansão.

 

O segundo dia da 2ª fase da Fuvest exigiu dos candidatos a interpretação de um gráfico das pressões sanguíneas de uma baleia, numa questão em que o outro item era referente à Física. Biologicamente, um assunto bastante clássico.

Outra questão, de média complexidade (nº 6), cobrou um detalhe da Genética (penetrância incompleta), decisivo para o acerto dos candidatos.

 

O terceiro dia da 2ª fase da Fuvest apresentou seis questões de temas como Zoofisiologia, Genética, Botânica, Ecologia e Citologia. A prova foi muito adequada para os candidatos às carreiras de Biológicas, pois as questões exigiram bom domínio dos conteúdos, com conceitos específicos de citogenética e análise de esquemas. A questão a seguir (nº 6), por exemplo, abordou um assunto comum nas aulas de Biologia: biomas terrestres.

 

 

Unicamp

Os 10 testes de Biologia da 1ª fase da Unicamp 2017 versaram sobre os temas de Citologia, Zoofisiologia, Evolução e Botânica. A prova foi bem menos exigente do que a do ano anterior, porém um esquema de meiose e uma questão do metabolismo energético dos tipos de tecido adiposo devem ter sido complicadores para os candidatos. O teste a seguir representou o processo meiótico de uma forma não muito convencional. Isso pode ter dificultado a interpretação do esquema e, portanto, o acerto da questão.

 

Na 1ª fase da Unicamp, a questão nº 46 abordou um detalhe sobre a produção de energia nos dois tipos do tecido adiposo (marrom e branco). O próprio texto pôde induzir os candidatos ao erro, de modo que, além de uma leitura atenta, o conhecimento prévio dessa parte da matéria foi fundamental.

As seis questões de Biologia do terceiro dia da 2ª fase abordaram tópicos de Botânica, ZooFisiologia, Citologia, Genética e Ecologia – uma boa distribuição pelos temas da disciplina. Os candidatos enfrentaram uma prova trabalhosa, como já havia sido a do ano anterior. Foi uma avaliação adequada para selecionar os mais bem preparados.

A questão de biotecnologia/genética (nº 1) pediu para ser explicada a importância do melhoramento genético para a agricultura e determinar quais são os genótipos formados em três gerações de cruzamentos. São exigidos conhecimentos sobre processos de seleção artificial e também da genética Mendeliana clássica.

 

A questão a seguir (nº 6), sobre biotecnologia, pediu para o candidato explicar sobre a fonte renovável de energia (álcool de segunda geração) e o processo fermentativo na produção de etanol.

Como em outros casos, esse exercício relaciona temas corriqueiros das aulas de Biologia com aspectos socioambientais do Brasil.

 

 

Vunesp

Os oito testes de Biologia da 1ª fase da Vunesp abordaram temas clássicos da matéria, como Botânica, Citologia, Genética, Evolução e Zoofisiologia. As questões foram ilustradas com gráfico, esquemas e tabelas. A prova foi mais exigente do que a do ano anterior. O teste a seguir (nº 64) cobrou do candidato uma interpretação detalhada de dois fenômenos relacionados às organelas celulares, uma maneira bem criativa de abordar o assunto.

 

Biologia, na 2ª fase da Vunesp, constou de três questões bem elaboradas, contextualizadas e de temas atuais. O poder de síntese na elaboração das respostas foi de suma importância para os candidatos enfrentarem questões de evolução humana e eutrofização. Uma outra questão (mostrada a seguir) pediu para o candidato explicar as principais etapas na produção de um soro, uma forma bem diferente de abordagem.

 

 

Unifesp

As cinco questões escritas de Biologia propostas pelos examinadores da Unifesp constaram de temas de Ecologia, Botânica, Genética e Citologia. O bom conhecimento técnico e a capacidade de interpretar gráficos e figuras fizeram esta prova ser mais complexa do que a do ano anterior. Uma das questões abordou um assunto bastante atual de Biologia Molecular (sistema CRISPR-cas9), que serviu de contexto para tópicos mais usuais da disciplina. Isso é mostrado abaixo.